Notícias

30mai

Atividades físicas podem evitar complicações em grávidas com obesidade

Um estudo realizado pela Universidade de Saúde e Ciência de Oregon, nos Estados Unidos, apontou que exercícios físicos colaboram para a diminuição do risco de diabetes e de doenças relacionada ao aumento da pressão sanguínea em grávidas obesas (índice de massa corporal igual ou maior a 30).

O cálculo da universidade mostra que, a cada um milhão de grávidas com esse perfil, há 113 mil casos de pressão alta (pré-eclâmpsia) contra 38 mil casos entre as que se exercitam. Já nos quadros de diabetes gestacional são mais de 305 mil casos registrados em comparação com cerca de 195 mil entre as não sedentárias.

Os exercícios físicos indicados para grávidas em qualquer situação são aqueles de baixo impacto e risco, como hidroginástica, caminhadas, musculação leve e acompanhada, e ioga.
 

Redação:
Prática
Conteúdo | Comunicação | Relacionamento

Com informações de:
Portal G1
Enviar por email O preenchimento do nome é obrigatório. O preenchimento do email é obrigatório. O preenchimento do nome do destinatário é obrigatório. O preenchimento do email do destinatário é obrigatório.

Obrigado! Seu email foi enviado.

Fechar